3 Parkas 3 Looks

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 LinkedIn 0 Filament.io 0 Flares ×

LOOK DA SEMANA 

Essa semana optei em usar parka enquanto chovia por Porto Alegre, e foi aí que eu me lembrei o quanto eu adoro a praticidade desse casaco e a quanto tempo mais ou menos eu deixei o meu “preconceito bobo”, de lado. É bem válido deixar claro que a grande mudança veio fortalecida pelos argumentos da grande papiza dos blogues de moda brasileiros, Camila Coutinho, que a bastante tempo vem apostando nela como peça fundamental em looks nada simples e nem tão enfeitados.

Over School is Not Over 

A proposta é justamente aproveitar o que é velho de uma maneira nem tão velha assim. Por amar brechós me lembrei que volta e meia vejo algumas peças de roupas de empresas, escolas e cursos, que já não são mais usadas e que vão parar nas araras para serem re-adquiridas por outras pessoas que tenham a bondade de reforma-las ou de reaproveita-las de uma maneira menos conceitual e mais criativa. Pensando assim foi que me recordei também que o meu uniforme da escola esse ano será usado pela última vez amém!, por isso como eu poderia usá-lo sem parecer tão boring e nada fácil de ser manejado na minha composição? Foi aí que eu me lembrei que a parka do meu uniforme da escola possuí o nome da instituição escrita de maneira bem discreta, o que fica fácil de ser usado sem parecer tão chato. A dica fica por conta da lavagem do jeans mais casual e pelo uso da camisa pólo, onde juntas com a parka formam uma composição básica, porém, prática para dias chuvosos/nublados e ainda assim, bem pensada em relação a composição do look.

Hoje eu Visto:
 Óculo Chilli Beans, parka do uniforme da escola, camisa pólo Tommy Hilfiger, calça jeans Gang, tênis All Star collection Chuck Taylor e bolsa comprada na Austrália.

Xadrez em Dias de Chuva 

Desde quando eu era bem pequeno, eu sempre gostei muito de usar xadrez. Nunca aprendi a jogar, e nem sei se tenho vontade também, mas uma coisa é certa: eu aprendi a ter o xadrez como peça chave na hora de deixar qualquer composição mais cool e menos dia a dia. Ao longo dos dias que trouxeram a chuva para a minha cidade, fui obrigado a me render a parka (que eu adoro usar!), e junto decidi que o coturno é o melhor parceiro para se passar o dia em baixo d’água. Optei em usar essa calça chino porque amo o burgundy dela e também porque acho a modelagem ótima. A dica para você que não é muito fã de parka e nem de chuva, fica por conta da “liberdade” dita como praticidade que você usará por de baixo do seu casaco. Optei por tons que conversassem entre si e que não ficassem tão monocromáticos (e nem chamativos demais), porque o xadrez já é o coringa da composição. Por isso, se a temperatura permitir, quanto menos peças por de baixo sua parka maior é a flexibilidade da sua composição, coisa que pode ser bem aderida se você souber/gostar de deixar as suas mangas da parka dobradas, permitindo que a sua composição fique mais interessante do que se fosse usada da maneira convencional.

Hoje eu visto: Óculos de sol Chilli Beans coleção 30’s, camiseta lilás acervo, parka xadrez Gang, relógio Condor, calça chino de brechó, coturnos surrupiados do meu tio.

INVERNO 

Eu amo o inverno, definitivamente. Não gosto de passar frio, e também não gosto de me sentir um boneco de neve cheio de roupa. O bom de quando a temperatura está mais baixa é que você gosta de se elaborar mais, de pensar mais na sua composição e de deixá-la mais interessante. Foi pensando assim que eu elaborei esse look, que eu já usei e não fotografei, mas que é ótimo para deixar claro que parka não é coisa do seu pai, não é só para ser usada em dia de chuva e que você deve combiná-la com as suas peças em dias bem frios de uma maneira bacana e até elegante. Eu optei por essa parka preta (que era do meu pai) onde ela tem o forro de moletom (que super esquenta em dias frios), combinando-a com uma jaqueta verde por baixo. Optei pelo preto como cor referência, e usei a cor da jaqueta como ponto de luz no meu look. Encontrei dessa maneira o jeito mais fácil de me sentir confortável e de deixar a composição mais fina. Por isso, a dica em dias frios é você usar a parka e pensar em peças que conversem entre si com as suas colorações, ou aplicar a mesma ideia que eu: usar uma cor única como tom principal, e brincar com outra cor para ser o seu ponto de luz.

Hoje eu visto: Chapéu Zara, jaqueta Jack, parka do meu pai, calça skinny Zara e tênis Mormaii.

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *