Changes

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 LinkedIn 0 Filament.io 0 Flares ×

Quando eu era menor gostava de assistir a um clipe do Chris Lake chamado “Changes“, num trecho do refrão da música dizia assim “Changes In My Life“, e desde então a minha vida nunca mais parou de mudar.

A gente muda a todo instante, a todo momento, sempre. O Matheus de 15 anos quando iniciou os trabalhos com o It Brazilian Boy, com total e absoluta certeza é um homem diferente no hoje do que foi lá em 2011, muito provavelmente serei diferente daqui a 6 meses e assim por diante, porque afinal, isso é totalmente natural. A gente muda, a vida da gente muda, tudo e todos nós mudamos. Tem pessoas que trocam 5, 6, 7 vezes de casa num mesmo ano. Tem ainda aqueles que não tem namorado e outros que têm mais de uma duzia em poucas semanas. Tem gente que gosta de gente, tem gente que prefere animais e muda sua rotina por isso. Tem de tudo um pouco e para todos um monte. Faz sentindo? Não faz, né, mas a vida não parece ter um único sentido e nem um único caminho. Mudanças servem exatamente para redefinirem aquilo que julgamos conhecer, elas nos fazem acordar para novos momentos, novas situações, novo plurais.

https://38.media.tumblr.com/1edc3e1c02909e6f273c4503107470ba/tumblr_nq2j2aGvvz1qa4iv8o6_500.gif

RELACIONANDO GIORGIO ARMANI E O MUNDO DE MUDANÇAS

O poderoso chefão da moda italiana, Giorgio Armani, iniciou uma das marcas mais poderosas do globo terrestre aos 40 anos de idade. Lendo assim parece até inquietante para quem hoje não consegue esperar tanto tempo para mudar de novo aquilo que arressem foi mudado. “Porque esperar tanto tempo?”, você pode se perguntar. Realmente, porque esperar tanto tempo para criar uma marca que é vinculada muito mais do que propriamente ao setor do vestuário… Acontece que em 40 anos de vida Armani viu muita coisa, viveu muitas coisas e aprendeu muito.

http://images.virgula.uol.com.br/2015/04/armani.jpg

As mudanças devem ter sido inúmeras na vida dele, e eu gosto de me apegar ao exemplo da sabedoria que ele teve em compreender que o tempo é o único responsável pelas mudanças que podem nos acontecer. Sem ele, nada, literalmente nada, seríamos. Portanto, ter a disciplina de pacienciar a espera de algo tão aguardado é a maturidade do saber. Reconheço que sou inquieto, que não sei muito como esperar as coisas acontecerem, mas também sei que quero muito ser alguém melhor do que sou hoje, por isso eu preciso “internalizar” que assim como Armani esperou 40 anos para empreender na maior empreitada da sua vida, talvez a minha grande empreitada aconteça num futuro mais distante, ou ainda, no amanhã.

VIDA NOVA AO IT BRAZILIAN BOY

Nos últimos dias eu pude conhecer Márcio Callage, grande empreendedor e publicitário gaúcho, cujos conselhos eu fui atrás justamente para tentar entender como esse novo passo do site poderia de fato acontecer, já que mudando-o de segmentação (agora não somos mais apenas Moda e Comportamento Masculino, mas agregamos a segmentação de Estilo e Influências), poderia ser importante para os meus interesses futuros. Márcio, muito sábio, me ouviu muito e me falou coisas extremamente pontuais, dentre elas o mesmo elo de ligação com o Armani: respeitar o tempo.

Márcio Callage_DM9Sul_Cannes_Leão de Cannes_DM9_Publicidade_It Brazilian Boy_Site de Moda Masculina_Blog de Moda MasculinaEu e Márcio na DM9Sul, agência onde ele é o co-fundador e presidente

Ainda estou realizando alguns ajustes antes de explicar melhor sobre esse processo de transição do site, mas já adianto o layout que já começou sendo ajustado entre outras maneiras de comunicar. Eu não poderia continuar esperarando tanto tempo mais para enfim, dar este passo tão importante. Eu queria me sentir mais em casa do que eu já vinha me sentindo e agora acredito que as coisas funcionem melhor.

Se serve de dica compartilhada, precisamos continuar focados e não menos atentos. O mercado é transitório, o tempo é ludibriador e os momentos passam muito rápido. A gente precisa se fixar, precisa se amar e tentar se entender. O resto, é tudo mudança.

Changes in my life, vocês sabem.

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *