JAPONISMO – Trendy Alart

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 LinkedIn 0 Filament.io 0 Flares ×

Faz alguns meses que o “Japonismo” me conquistou e eu consegui agrega-lo ao meu estilo com algumas referências bem globalizadas. Para quem não sabe sobre o que eu estou falando, essa onda japonista é justamente a expressão artística do Japão vista no ocidente, que neste caso se representa particularmente para mim no meu comportamento-moda.

Talvez alguém pense que isso não seja tão forte no seu dia a dia, mas várias marcas no mundo todo fizeram uma releitura da cultura japonesa partindo da fauna, da flora, agregando trejeitos, olhares e todas as cores que fazem do país asiátio um sonho para qualquer jovem da geração Y.

CABELEIRA DE HOMEM

japonismo-mirage viva-mirage padre chagas-matheus tauber-it brazilian boy1Eu e Matheus no dia em que cortei pela primeira vez desse jeito (já foram 3 cortes assim no total)

Tudo bem que eu e o Matheus Tauber (aka Mirage Viva/Mirage Padre Chagas) estamos pensando em mudar o meu cabelo de novo, mas essa febre japonesa refletiu até no modo como eu quis expressar a relação Japão>Matheus, mas de uma maneira completamente globalizada e não literal ao extremo.

Eu já comentei aqui a relação de gênero e foi demais estar com esse corte até o momento.

MODAS E AFINS

japonismo-referencia japonesa-moda masculina-it brazilian boy
Look usado no evento da Cristófoli (sandália do verão 2016 da marca)

Venho também desde o ano passado falando por aqui sobre querer usar camisetas básicas, de múltiplas cores e em como elas são perfeitas para todas as horas. Sei que uma galera adotou pelo mundo todo esse fascínio pelo preto, tornando-se os já conhecidos “góticos urbanos” ou popularmente chamados de “góticos suaves”. Não é o meu caso, mas confesso que gosto da aposta. E isso também acabou refletindo no modo como eu me comporto e vi no meu japonismo esse mesmo reflexo.

Sempre gostei de brilho como paetê ou a referência dos clubbers, e acho que o Japão sabe fazer isso direitinho. Por isso, nesse verão com certeza muita coisa vai ser legal de ser apostada dessa forma.

MÚSICAS E MAIS DRAMAS

Desde que os japoneses chegaram as passarelas francesas nos anos 1980, percebo que a moda traz uma dramaticidade diferente para quem vive no mundo ocidental. Musicalmente falando não sou muito fã da lingua japonesa cantada, prefiro uma sonoridade mais fácil de ser entendida. Essa relação me fez encontrar em sons alternativos essa relação do “japonismo” que eu gostei de aplicar. Ou talvez do Japão que eu quero encontrar quando for conhecê-lo.

Essa música é perfeita pra qualquer desfile, qualquer situação, quaisquer verdades sentidas.

REFERÊNCIAS E MAIS REFERÊNCIAS

Muita gente me pergunta como são as minhas referências e da onde elas surgem. Gente, a resposta é viver a vida como a gente vive. Isso quer dizer que busco referências dos mais variados locais (obrigado internet), mas algumas coisas ajudaram nesse processo todo que eu consigo elencar.

*EDSON MATSUO

Edson-Matsuo-ItBrazilianBoy-It-Br-BoyNão é segredo para ninguém que eu admiro demais o Edson, mas entender como a Melissa se comporta no mundo tem me feito admira-lo ainda mais. Costumo brincar que quero ser como ele quando eu crescer: educado e genial nas palavras/atitudes.

*EVERSON BARBOZA

everson barboza-it brazilian boy-moda masculina-japonismoEsse cara deveria ganhar o mundo pelo estilo dele, na boa. É uma grande referência como profissional, mas principalmente, como estilo. Sigam no instagram (@ever__), ele também tem um “japonismo” show!!

*NATUREZA

natureza-it brazilian boyMuito verde, por favor. Mais verde e sol, muito sol. Água também é uma coisa que me faz lembrar do Japão, assim como carpas, ursos pandas e neve.

*CORES

cores-japonismo-moda masculina-it brazilian boyPRETO, BRANCO, VERMELHO MAGENTA, AZUL CIANO, VERDES E AMARELOS.
(cliquem nas cores para conhecerem seus tons)

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *