TIAGO IORC: UM CASO DE AMOR

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 LinkedIn 0 Filament.io 0 Flares ×

Encontrar Tiago uma vez por ano é praticamente obrigatório para mim. Talvez alguns de vocês ainda não saibam, mas o “Tito” é o meu cantor favorito desde muito tempo. Sou daqueles fãs tietes por ele, pois o admiro como pessoa, como compositor e como artista. Acompanho o cara praticamente desde os primeiros shows em Porto Alegre, tendo já apresentado minha família para ele, envolvido meus amigos nas canções dele e ter tido a felicidade em carregá-lo comigo nos melhores momentos da minha vida.

tiago-iorc_turne-troco-likes_it-brazilian-boy_itbrboy_1Grande destaque da turnê “Troco Likes” foram as luzes e o som dos arranjos!

Por isso, naturalmente, mais uma vez fui pretigiá-lo num espetáculo que para mim foi o melhor de todos. Com um novo fascínio do público brasileiro pelo seu trabalho, sinto que Tiago finalmente firmou-se no coração dos brasileiros. Para quem ainda não entendeu, eu explico: Tiago Iorc é um cantor brasileiro que iniciou a carreira cantando e compondo em inglês. O sucesso dos dois primeiros albuns foi tanto que ele fez turnê na gringa, não parou de tocar nas novelas da Globo e ainda de sobra, arrematou o coração da musa maior, Isabelle Drummond. Quando o terceiro CD foi lançado, o Zeski, a impressão que eu tive foi que o público começou a recebê-lo com maior impacto, já que a obra (minha favorita das 4 já lançadas) trazia composições em inglês e português. Mas eis quê, mais uma vez, Tiago surpreendeu e arraigou-se em solo brasileiro com um legado completamente digital. Super ativo nas redes sociais, o cara criou um CD perfeito para toda essa nossa geração Y e fez da sua estadia no palco da turnê, um grande espetáculo de som e luz.

Para quem ficou curioso para saber mais sobre toda essa minha relação de paixão por esse cara que sempre rouba o meu coração aqui, aqui e aqui são outros momentos dos shows dele em outros anos.

ENCONTRO NO CAMARIM <3

Como eu comentei acima, iniciar o ano sem saber que irei encontrar com ele é quase que desesperador hehehe Pois bem, eis que este ano tive a felicidade em conversar com o próprio direto do camarim dele, no último show realizado em Porto Alegre, em 16 de outubro. Quem me acompanhou, claro, foi Pyetra Salles (e mais alguns outros agregados que levei ao camarim).

tiago-iorc_turne-troco-likes_it-brazilian-boy_itbrboy_6tiago-iorc_turne-troco-likes_it-brazilian-boy_itbrboy_5

ITBRBOYTIAGO, PARA GENTE COMEÇAR, EU QUERIA QUE NÓS FALÁSSEMOS SOBRE SER CIDADÃO, SER BRASILEIRO E EU QUERIA QUE TU CONTASSE UM POUQUINHO DESSE TEU SENTIMENTO, JÁ QUE A GALERA ADORA TE OUVIR FALAR SOBRE CIDADANIA!

TIAGO – Eu acho que os meus anos inciais tiveram muita referência lá de fora, da Inglaterra, dos USA… E eu lembro que eu passei bons anos aqui e meio que me sentindo um pouco peixe fora d’àgua, porque eu tinha muita referência de como as coisas funcionavam, principalmente das memórias que eu tinha em como tudo era funcional e aqui era tudo tão empacado. Mas aí, as coisas começaram a ir invertendo, porque o tempo de vida que eu tinha lá era maior do que o que eu vivia aqui. Eu fui ficando mais tempo aqui, me envolvendo mais aqui, minha vida adulta começou por aqui. Então, por isso, acho que acabei me envolvendo mais com as pessoas, com os lugares, com as coisas daqui, o que me ajudou a ter mais vontade em estar aqui, dando sentido à ser daqui.

ITBRBOYEU QUERIA TE PERGUNTAR ALGO QUE EU SEMPRE QUE SAIO DOS TEUS SHOWS FICO ME PERGUNTANDO… TU TERIAS ALGUMA PARCERIA INTERNACIONAL QUE TE INTERESSASSE FAZER? (tipo Ben Howard, tipo Matt Corby, tipo Joss Stone…)

TIAGO – Nossa, eu amo a Joss Stone! Sabe, eu sempre respondo isso desde que me perguntam esse tipo de coisa, que eu gostaria de trabalhar com Norah Jones, eu acho ela incrível. (pausa para minha interrupção que achava que as referências dele eram outras com o passar do tempo) Olha Matheus, as minhas referências até são outras mas ela continua especial. Inclusive eu já gravei com uns músicos que tocaram e compuseram com ela, mas ainda não surgiu a oportunidade de cantarmos juntos. Mas eu acho que em algum momento deve rolar. Eu tenho muito carinho pelo trabalho dela e pelo jeito dela cantar meio que me inspirou a cantar. Porque eu lembro que quando eu ouvi o disco dela “Come Way With Me” (que é lindo!) eu me inspirei bastante. PAUSA PARA DESCONTRAÇÃO COM A BANDA QUE ESTAVA FAZENDO PALHAÇADA DO LADO. Então esse CD dela foi crucial, porque eu via a delicadeza dela cantar e nem por isso deixava de passar o som da voz dela… Com certeza foi inspiração para mim, para que eu pudesse encontrar o meu timbre.

ITBRBOYO PROJETO TROCO LIKES É UMA PROPOSTA MUITO ATUAL E POR ISSO EU QUERIA QUE TU CONTASSE 3 LIKES QUE TODO MUNDO DEVERIA FAZER E 3 DISLIKES QUE TODO MUNDO TAMBÉM DEVERIA FAZER.

TIAGO3 LIKES: 1º Respirar mais, mas assim, respirar de verdade. Fechar a percepção para tudo o que ta acontecendo e se concentrar um pouquinho. Eu acho que prestar atenção na respiração meio que já direciona o corpo, a mente, acho que isso nos organiza; Depois, 2º, contato com a natureza. E eu em , eu acredito que a grande dádiva é conseguir sentir a satisfação de estar lá para alguém, para um próximo. Eu acho que isso é uma coisa que cada vez mais faz sentido para mim, sabe?! E o quanto essa coisa egoica de “ah, quero resolver isso, quero resolver aquilo” se torna para outra pessoa, isso de repente se transforma em tão verdade, que fazem sentido para mim.

3 DISLIKES: Tempo no celular, nessa vida internética, eu acho que isso pode ser reduzido drásticamente, porque nos consome  muito a atenção e tira demais o foco em tudo. Eu percebo que ta todo mundo muito ansioso querendo estar conectado o tempo inteiro com alguma coisa e se desconectando cada vez mais consigo mesmo. Acho que esse é o meu dislike geral.

tiago-iorc_turne-troco-likes_it-brazilian-boy_itbrboy_3

ITBRBOYO QUE PODEMOS ESPERAR PARA UM PRÓXIMO PROJETO, UMA VEZ QUE A GENTE SABE QUE TU NÃO ABANDONOU NEM UMA LÍNGUA NEM A OUTRA, MAS SIM, CONTEMPLOU AS DUAS JUNTAS. HÁ ALGUMA COISA PARA ESPERARMOS DE UM PRÓXIMO PROJETO E UM TEMPO PARA ELE ACONTECER?

TIAGO – Eu ainda não sei, porque eu ainda estou vivendo as músicas desse disco na estrada… Tem uma coisa da música, da sensação dela, ela muda quando vai para as pessoas. Por isso, quando vou fazer show eu começo a conviver com elas, eu começo a sentir com a minha sensação, não só da questão do sentimento de querer sentir ou manifestar alguma coisa, mas também acaba por existir junto com isso uma vontade de criar coisas que sejam conectantes no show, que de fato seja algo interessante para as pessoas. (então há um tempo de elaboração bem grande para isso!) Claro! Porque ao mesmo tempo que existe uma vontade de fazer coisas muito grandes, mais soltas, que pudessem ser mais enérgicas, surgiram canções que já foram mais densas… Então eu não controlo muito isso, por isso que eu não consigo responder o que virá.

ITBRBOYE PARA ENCERRARMOS, O QUE É AMAR E SER AMADO?

TIAGO – Olha, – pausa para um suspiro! -, eu acho que é muito, muito, mas muito respeito. Ao mesmo tempo esquecer-se de si e nunca esquecer-se de si, sabe?! Uma coisa de estar sempre ali para o outro mas sem deixar de lembrar quem e porquê é você. Acho que é só quando a gente se ama de verdade, digo assim, a pessoa que a gente é, o ser que viemos para ser, é que a gente consegue fazer bem para o outro.

——————————————————————————————————–

O QUE ESPERAR DE UM HOMEM COMO ELE?

tiago-iorc_turne-troco-likes_it-brazilian-boy_itbrboy
Eu no palco durante o show!

Dizem que todos nós devemos ter referenciais de vida, e para mim, sem sombra de dúvidas, Tiago Iorc é uma dessas pessoas. Acredito que 2015 foi um ano muito especial pois de fato, encontrei com dois homens que são fonte das minhas maiores referências: Tiago Iorc e Caio Braz. De resto, vamos amar que esse sim é o negócio!

FOTOS PYETRA SALLES

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *