O DIA EM QUE CONHECI O ESCRITÓRIO DA DIOR

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 LinkedIn 0 Filament.io 0 Flares ×

Trabalhar com o mercado do luxo é sem sombra de dúvidas uma adequação incrível para qualquer profissional do marketing, pois entendo e percebo o segmento AAA como uma grande oportunidade para analisarmos comportamentos em circunstâncias de acesso muito mais favoráveis, permitindo que o resultado sempre seja mais robusto e inteiro.

Minha história com esse segmento começou ainda na sequência da criação deste site, quando comecei a ter acesso à marcas que admirava o valor criativo e todo o seu legado. Esse foi o caso com a DIOR.

Tive a incrível oportunidade em conhecer uma profissional que eu já admirava há bastante tempo e que para mim, sem dúvidas, é uma conectora genial por toda a América Latina, Priscila Monteiro. PR da marca Latin América, Priscila é também a responsável por conectar comunicadores, influenciadores e integrar a DIOR à atualidade no continente sul-americano.

Fui apresentado por ela a uma maison muito mais viva do que eu pensava ser, atenta ao que  o mundo tem procurado ouvir e falar (principalmente depois que a marca ganhou a sua primeira diretora criativa: Maria Grazia Chiuri), e conectada com o agora.

Conversamos sobre o mercado e sobre o quanto a Geração Z pode impactar nesse segmento como um todo… Afinal, a forma de consumir luxo para a essa geração é bem distinta de como os millenials consomem.

Aprendi com a marca, que alguns legados são construídos pelo exemplo e é isso que a Dior tem procurado apresentar: ela é uma das principais marcas que apoia o movimento feminista como um todo, permitindo que a mulher DIOR seja uma persona fundamental para o seu universo. Não à toa gigantes da cena feminista fazem parte da “crew Dior” pelo mundo.

Foi, sem dúvidas, um dia sensacional para mim!!!

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *