EU X NÓS: ENTENDA QUAL O PAPEL DA GERAÇÃO Z

Resultado de imagem para gen z gif

Popularmente conhecida como geração da esperança, os jovens nascidos em meados de 1995/1996 até 2010, fazem parte de uma geração que começou a movimentar economicamente o mercado com uma mudança muito importante: só consomem aquilo que conta uma história com propósito. 

Dividida em dois pontos muito importantes, a geração Z cresceu sobre aspectos de crise econômica, embalada pelo universo digital e pelo avanço das redes sociais;


EU
Resultado de imagem para gen z gif

Quando relaciona-se “EU” numa análise comportamental sobre a geração, percebe-se que existe uma ambição grande herdada da geração Y, os millenials. Não à toa, os inventores das redes sociais deixaram para a próxima geração um mundo ciber conectado, o que permitiu a necessidade da auto-expressão invadir as redes sociais, compartilhando histórias, anseios, medos e dicas com outros jovens que também identificam-se com os mesmos assuntos. 

Extremamente ágeis, podem ser identificados como multitasking, uma vez que olhar para si também resultou em empoderar temas e formas de uso, buscando atenções como diversidade sexual, racial, religiosa e familiar para espaços antes não falados no mercado. 

A juventude Z, ou Gen Z como também é conhecida, carrega em si critérios mais tradicionais se comparados aos seus pais e irmãos, desenvolvendo condições muito particulares que não encaixam-se numa fórmula ou numa subdivisão, porque afinal, querem consumir e identificar-se com o único, o exclusivo. 

NÓS
Resultado de imagem para gen z gif

A forma na qual encaram o sucesso, é compartilhada, oportunizando condições para que o coletivo também seja favorecido (e não apenas o fator individual), por isso, a própria geração permite-se encarar como “NÓS“. Esse olhar coletivo faz com que dêem atenções para o todo como cuidados com o planeta, respeito a individualidade, crenças religiosas, comportamentos de uso e formas de atuação. 

Esses jovens entendem que podem aprendem em conjunto, que podem ensinar em grupos, que podem crescer juntos. 

Juntos é a palavra de ordem quando querem conquistar ou derrubar imposições, sejam elas digitais ou não. 

UMA VIDA EM UMA DÉCADA

Lembro-me quando fiz 10 anos e me dei conta de que havia completado as duas mãos com todos os dedinhos preenchidos de idades já feitas… Aquilo representava um novo mundo, quase como uma nova vida. Naquela época, tudo o que eu mais almejava era ganhar meu primeiro telefone celular (a internet começava a se tornar banda larga em minha casa, mas estava longe de existirem smartphones) para assim me sentir mais “conectado” com o “mundo” daquele agora.

Como os tempos mudam! (e voam com uma intensidade absurda)

Fechar 2019, 10 anos depois de tudo o que se foi vivido de 2009 em diante, foi uma tremenda loucura evolutiva. Afinal, se passou uma longa década. E eu quis dizer, 10 anos. DEZ ANOS!!! Uau. Ta aí um momento simbólico em que vale a pena ser notado e com certeza, refletido. Porque é quase como se estivéssemos vivido uma outra vida em uma só década!

Há 8 anos decidi dar início a essa url que se tornou o meu maior portal de visitas para o mundo. Foram incontáveis trabalhos, projetos, afiliações e momentos que me trouxeram para o Matheus do agora. E ser o Matheus do agora representa ter conseguido chegar até aqui, conquistado tudo o que conquistei até aqui.

Por isso, decidi escrever esse post para a posteridade. Tudo o que almejo estará escrito a baixo e não terá outro sentido se não continuar tentando ser aplicado:

Que venha 2020 e toda a sua nova era. A tour (como diriam nos grupos de facebook) já começou e a mudança é contínua no agora!

3 MOTIVOS PARA VOCÊ TRABALHAR O SEU MARKETING PESSOAL

Todo mundo conhece alguém que conhece alguém.
Essa é a regra número 1 de qualquer relacionamento. Acontece que na maioria das vezes as pessoas acabam por não reconhecer todos aqueles com quem cruzam e que de alguma maneira interagem com elas, criando assim, uma nova conexão. Por isso vou apresentar para vocês 3 motivos pelos quais todo mundo precisa trabalhar o seu marketing pessoal:

Partindo dessa tríade, compartilho 3 possibilidades para que você consiga trabalhar ainda mais o marketing pessoal na sua vida:

IDENTIDADE  

As pessoas costumam esquecer que marca não é somente aquilo que compramos ou consumimos em algum centro de compras. Marca é, entre muitos significados, identidade. Por ela ser e ter identidade é que nós precisamos compreender o quanto carregamos conosco (e deixamos para o mundo) marcas de quem somos.

Se a cada novo dia somos uma nova pessoa, como podemos deixar o entendimento de que temos identidade, se eu mesmo posso alterar um pensamento ou uma função? A resposta é simples mas não modesta: tenha identidade nas suas convicções. 

O mundo só acredita naquilo que ele enxerga, logo, mostre à ele o que há de melhor em você!


NECESSIDADE

Partindo do entendimento de identidade e já compreendendo que deixamos uma parte de quem somos para qualquer pessoa com quem interagimos, é importante saber que as relações (sejam elas quais forem) têm necessidades… E por isso, precisamos contar, explicar e se preciso, relembrar, características que possam ser úteis para os outros e/ou para o mundo. 

Vale ressaltar que o mesmo aplicamos em constante realização de modo rotineiro e não tão racionalizado: lembramos das pessoas pelo que elas nos comunicam sobre quem são. Assim, se precisamos delas, sabemos à quem recorrer.


INTERAÇÃO 

Quando interagimos com o cotidiano da vida, muitas vezes não percebemos o quanto a conexão criada por nós ou por outros, impacta no que estamos fazendo, no que já fizemos e no que faremos logo mais. Por isso, todos nós somos uma marca que imprime necessidades ao mundo, para que ele entenda como agiremos a partir de então.

É importante percebermos que contato não significa ser um networking. Mas conhecer alguém significa carregar consigo parte de quem encontramos, e uma das frases populares brasileiras mais faladas no país, nunca fez tanto sentido antes: “a primeira impressão é a que fica“. Só que existe um porém: ela só “fica” porque interagimos com alguém, sentimos e entendemos algo sobre o indivíduo.

MASTER CLASS SOBRE MARKETING PESSOAL

Que alegria ter a oportunidade em voltar mais uma vez para a instituição aonde me graduei em Marketing para falar sobre a minha maior especialidade de mercado. Dessa vez dividirei a turma com o coordenador do curso, sendo a aula fechada para os alunos do centro universitário.